Ex- vereadores são notificados em processo por quebra de decorro parlamentar

Intimado para prestar depoimento à Comissão Processante da Câmara Municipal, que analisa os processos disciplinares por quebra de Decoro Parlamentar contra vereadores investigados na Operação Mar de Lama, o ex- parlamentar, Cezinha Alvarenga comunicou, nesta quinta-feira (23/03), que não irá comparecer à audiência. A oitiva está programada para as 14 horas desta sexta-feira (24/03), no Plenário do Legislativo.

De acordo com a Assessoria Técnica da Câmara, embora tenha encaminhado ofício informando que não vai prestar depoimento, a Comissão se reunirá no horário programado e deliberar sobre as próximas etapas do procedimento. Em sua defesa prévia, encaminhada à Câmara, Cezinha também não indicou testemunhas de defesa.

Outros seis ex- vereadores respondem por quebra de decoro parlamentar. Notificado, Leonardo Glória já apresentou a defesa e nos próximos dias a Comissão Processante deverá marcar a data da audiência.  Geovane Honório e Cabo Isá, também já foram notificados. Conforme Decreto Lei Federal 201/67, cada um dos ex- parlamentares têm até 10 dias para apresentar a defesa prévia.

Já os ex- vereadores José Iderlan, Chiquinho e Adalto Carteiro, não foram encontrados pelos Correios e serão notificados por meio de Cartório de Registro de Títulos e Documentos. Os parlamentares foram afastados das funções em 2016, durante a operação “Mar de Lama”, deflagrada pela Policia Federal para investigar um esquema de corrupção na cidade.